BARRA DO PIRAÍ: MULHER É PRESA POR INJÚRIA RACIAL, AMEAÇA E DESACATO CONTRA CONSELHEIRA TUTELAR

Gostou? Compartilhe!
Foto: Google Maps

Uma mulher, de 33 anos, foi presa nesta terça-feira (21) por injúria racial, ameaça e desacato contra uma conselheira tutelar em Barra do Piraí.

Segundo a Polícia Civil, a acusada invadiu o Conselho Tutelar, no Centro, após o órgão exigir que ela apresentasse a carteira de vacinação dos filhos. A comprovação era necessária para que a mulher continuasse a receber o ‘Bolsa Família’, benefício do governo federal.

Em seguida, ela iniciou uma série de ofensas contra a conselheira tutelar, chamando-a de “arrogante”, “demônio”, “pombagira” e “macaca”.

A suspeita ainda afirmou que a conselheira tutelar seria esfaqueada e morta caso fosse até o bairro Vale do Ipiranga, onde ela mora.

A Polícia Civil foi acionada e compareceu ao Conselho Tutelar, mas a mulher não foi localizada no momento da chegada dos agentes. Após buscas, a suspeita foi encontrada no Vale do Ipiranga.

Em seguida, ela foi encaminhada para a Delegacia de Barra do Piraí. A acusada vai responder pelos crimes de ameaça, desacato e injúria por preconceito racial. As penas somadas podem chegar a oito anos de prisão.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, ela já tem passagem criminal pelo crime de ameaça.

Nesta quarta-feira (22), a mulher será transferida para a cadeia pública de Volta Redonda, no bairro Roma, onde aguardará pela audiência de custódia.

Outras notícias que você vai gostar.
plugins premium WordPress