Suspeitos de criar perfis e denúncias falsas contra a polícia são presos em Resende

Gostou? Compartilhe!

Publicado em 18/08/2022 – 18:31

Foto: Divulgação Polícia Civil

As Polícias Civil e Militar deflagram na manhã desta quinta-feira, 17, a Operação Profile, para cumprir 4 mandados de prisão e 14 de busca e apreensão no bairro Cidade Alegria, em Resende, contra integrantes de uma facção criminosa.

As investigações começaram no ano passado, quando policiais se tornaram alvos de acusações por parte da população. A operação recebeu o nome de Profile porque remete às redes sociais e de acordo com a polícia, essas pessoas criaram perfis falsos e grupos de WhatsApp para divulgar acusações falsas contra policiais civis e militares, informando que eles fariam parte de facções rivais, e dessa forma, fazendo a população desacreditar das ações policiais que eram desenvolvidas contra o grupo.

O delegado de Resende, Ronaldo Aparecido de Brito, informou que a criação dos perfis e os ataques às instituições públicas decorreram logo após a troca de delegados titulares das delegacias da região.

De acordo com a polícia, as publicações diziam que os agentes faziam parte de uma suposta milícia e que “estariam cobrando taxas de comerciante e monopolizando o comércio de gás e a prestação de serviços de internet no município”.

Dos quatro mandados, três foram cumpridos. Duas mulheres e um homem foram presos e outro foi encontrado morto no sábado na Rocinha, no Rio.

O grupo também ameaçava e perseguia policiais que faziam ronda pela cidade. A polícia identificou ainda que havia um plano de assassinar quatro agentes.

De acordo com o delegado, esta quadrilha está ligada a uma facção criminosa. As pessoas presas na operação eram parentes e comparsas do principal líder de uma organização criminosa no Sul do Rio, que já está preso.

Eles vão responder por diversos crimes: falsidade ideológica, calúnia, ameaça, stalking, corrupção ativa, ameaça e associação para o tráfico de drogas.

Outras notícias que você vai gostar.
plugins premium WordPress